Momento nhami: Pães, pães, pães….

Há algum tempo, por conta de um tratamento natural para enxaqueca, tenho optado por fazer em casa, tudo o que posso… ou consigo….

E o pãozinho é uma delas…

Aí, outro dia, postei uma foto dos meus pãezinhos no forno, lá no insta (já falei para vocês seguirem o dia a dia do ateliê lá!!! Sempre  tem novidades!!!), e algumas meninas lindas pediram a receita…. então, vamos lá, não tem muito segredo não… é a basiquinha de pão integral:

Pão de 900grs

1 1/3 copo de água (que podemos usar um caldo, sabe aquela água que cozinhamos legumes?)

1 1/2 colher de sopa de margarina (eu uso a mesma medida de azeite no lugar!)

1 1/2 colher de chá de sal

2 colheres de sopa de açúcar mascavo (também dá certo se for demerara)

4 copos de farinha de trigo integral (eu substituo 1 desses copos por farinha de trigo normal, porque só a farinha integral fica muito pesado para minha digestão)

2 1/2 colheres de chá de fermento biológico seco

* Se quiser, pode acrescentar colherinhas de chá de sementes (linhaça, girassol, abóbora), especiarias (cúrcuma, cominho) ou ervinhas (orégano, manjericão, alecrim); conforme seu gosto….

Bom, para bater a massa toda, uso a panificadora, mas pode ser com uma boa batedeira planetária, ou na mão mesmo. O importante é integrar todos os ingredientes, de forma que a massa fique homogênea e não grudenta…

Deixo descansar até crescer….

Aí moldo o formato do pãozinho (já fiz baguete – ou tentativa dela rsrsrsr -, pequenos pães redondos, que cresceram tanto, que viraram uma flor!!).

Depois disso, esquento o forno por alguns segundos, e desligo, coloco os pãezinhos moldados dentro, e deixo crescer por mais uns 40 minutos pelo menos…

Aí, sem abrir a porta, acendo o forno e deixo assar por uns 20 minutos em temperatura de 200ºC.

Por que sem abrir Ana? Para não murchar o pão…

E quando está pronto? Quando batemos com as costas do garfo sobre eles, e faz um barulho meio oco…. ainda assim, desligo o forno e deixo mais alguns minutos terminando de assar só no calor…

Viram? Não tem muito segredo…. as adaptações que contei para vocês, fui arriscando no decorrer das receitas…. às vezes acerto, outras erro… mas sem dúvida, vale a pena… o sabor é insubstituível!!!

 

 

Faz e me conta depois….

Beijinhos….

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s